VEREADOR DE PAULA MANIFESTA INTENÇÃO DE SER CANDIDATO DO PSDB A PREFEITURA DE OSASCO

SEGUNDO O VEREADOR A CANDIDATURA DEVE SER UM DESEJO DE TODOS E NÃO DE UM SÓ

Por Gilberto de Almeida 14/04/2019 - 22:07 hs
Foto: LEONARDO ABRANTES- NEW TIMES COMUNICAÇÃO
O PSDB decidiu em reunião da direção estadual lançar candidatura própria na eleição para prefeito de Osasco, em 2020. Após a decisão, De Paula confirmou sua intenção em representar o partido na  disputa. Em seu segundo mandato como vereador, o parlamentar acredita que este é o momento ideal para alçar voos mais altos na política municipal. Para ele a história da legenda na cidade, representada principalmente por Celso Giglio, aliada ao trabalho de João Doria como governador de São Paulo, serão fundamentais no pleito. 
“O PSDB de Osasco tem uma história muito rica e deve lutar para ser protagonista. Depois do último mandato do doutor Celso, nenhum outro prefeito conseguiu fazer a cidade evoluir como merece. Por isso, ele é, até hoje, reconhecidamente, apontado como o melhor prefeito que a cidade já teve”, afirma De Paula. 
O parlamentar também acredita que um bom trabalho de João Doria a frente do governo do estado fará o PSDB entrar forte na eleição pela prefeitura de Osasco. “Ele fazendo um bom mandato como governador fará os osasquenses perceberem que o programa do nosso partido é o melhor também para Osasco. Uma dobradinha tucana fará bem para todos”, explica o parlamentar. 
Além das figuras de Giglio e Doria, De Paula também aposta em seu bom trânsito dentro do PSDB para unificar o partido em torno da sua candidatura, como um trunfo para ser o escolhido da legenda na eleição de 2020. O tucano adianta que tem recebido pedidos de integrantes da legenda para lançar-se na disputa. Para De Paula, uma candidatura a prefeito de Osasco deve “representar o desejo de um grupo, deixando de lado vaidades pessoais”.
“Acredito que uma candidatura ao Executivo tem que representar um grupo. Serei candidato se sentir que meu partido me quer como representante. Jamais pretendo ser candidato de mim mesmo”, adianta. 
“Precisamos de um candidato que saiba ouvir as pessoas e que tenha condições de unir o partido em torno de um objetivo. Ninguém pode querer ser prefeito apenas por vaidade ou por capricho. Se eu for o escolhido do partido, levarei para a prefeitura as bandeiras que o PSDB defende para uma gestão de qualidade e para o crescimento de Osasco”, completou.